sábado, 13 de dezembro de 2014

Papai

Sempre fui desde pequenininha a menininha do papai. Aquela q cresceu servindo a sobremesa na boca enquanto assistíamos Tv. Era tão apegada que acabei "herdando" além da genética um quê de similaridades mto peculiares. Tanto em virtudes quanto em defeitos. Me vi por vezes um tantinho parecida com aquele q foi meu herói na infância e hj é meu conselheiro-pai-amigo. É o meu consultor de negócios, meu conselheiro das dúvidas ápices da vida, e meu braço forte sempre que estou em apuros. Ele me acolhe quando preciso de ouvidos pra desabafar, e me enche de muita filosofia e parábolas. Ele já foi comparado com uma panela de pressão sob alta tensão, e hj é paciente, tranquilo e harmônico. Ele é um gênio! Excelente matemático, administrador, gestor, engenheiro e mestre em química, física e assuntos diversos da vida. É criativo pra driblar problemas, e é muito sistemático. Não tenho todo seu brilhantismo intelectual, mas tenho um coração fiel, dedicado e cheio de amor por influência dele. E eu só queria que ele soubesse q o amo muito.